🦲 🐾 MEU ANIMAL PODE ESTAR FICANDO CARECA, sem apresentar sinais de lesões ou coceiras?

🐩 Sim, pode. Assim como os humanos, alguns animais possuem a “genética da calvície”, podendo perder os pelos lentamente, sem apresentar outros sintomas, como lesões nas regiões sem pelos e coceiras. Chamamos isso de ALOPECIA PADRÃO.


Esta alopecia tem sido comparada à calvície humana masculina. Em pessoas, esta alopecia é ligada à genética, receptores foliculares e relacionada ao sexo, sendo muito bem estudada e documentada.
Já em animais, não há predisposição entre machos e fêmeas, podendo ocorrer com ambos.
Geralmente acomete cães de raça definida, de pelos curtos, como Pinscher, Boxer, Boston terrier, Chihuahua, Dachshund e Weimaraner, sendo o Dachshund, a raça de maior incidência entre estas.
O primeiro sinal percebido, são áreas que estão com pelos muito mais finos e curtos que o restante, principalmente em regiões de margens, como orelhas, região torácica (parte interna) e membros. A pele encontra-se sem alterações.
Animais acometidos geralmente possuem uma condição sistêmica boa, sem nenhum outro sinal clínico que possa sugerir doença ou desordem hormonal. Entretanto, convém ao médico veterinário, fazer o diferencial de endocrinopatias e outras doenças que possam levar à queda de pelos e outros sintomas.


Após o diagnóstico, o animal não necessita de tratamento, sendo um problema apenas estético. As áreas alopécicas tendem a não repilar novamente, ficando o animal simplesmente “careca”.

Um abraço!
Lívia Keunecke
Dermatologia Veterinária
CRMV-RS 13738

#dermatologiaveterinária #dermatovet #alopecias #alopeciapadrão #ilovecats #iloveanimals #veterinarianlife #vetlife #medvet #medvetporamor #médicoveterinário #médicaveterinária #liviakeuneckedermatologiaveterinária #animedrs #portoalegre